23/03/2012

Amar é uma escolha!

Aconchego e descanso

               Amar é uma escolha e das mais dificeis de serem feitas.

               Há alguns anos atrás, o meu namorado (que virou marido, que virou desafeto, que virou ex-marido, que... POPARARPORAI...) me perguntou porque eu não dizia que o amava...

               A pergunta me pegou de surpresa e de supetão eu respondi:

               "- Amor é uma palavra grande demais para ser dita a toda hora e pequena demais para dizer o que eu sinto por você."

               Das duas, uma, ou eu não o amava tanto assim, ou eu não sabia o que era amar, já que anos depois eu já não o suportava mais. Mas, passados os piores anos depois da separação, viramos grandes amigos.

               Mas a pergunta dele me fez pensar e faz até hoje: o que é amar?

               Amar é comprar o pacote completo: os momentos feliz e os infelizes; o look de festa e o look de funeral; o perfume da colonia pós barba ou pós banho e os odores depois do futebol ou da academia; e por ai vai...

               E não estou falando só do amor entre um casal, não. Estou falando do amor entre pais e filhos, entre irmãos, entre amigos e até entre estranhos.

               Mas você pode me dizer:
               "-Amar um estranho?!?!?!?!?!?! Que estranho isso!!!!!!!"

              É meus amores e amoras, amar até os estranhos.
              Concordo com vocês que existem pessoas que simplesmente não podemos amar. Mas essas são poquíssimas, são a exceção à regra. A maioria das pessoas vale mesmo a pena amar.
              Aquele amor que tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.
              Isso mesmo, TUDO suporta. TUDO MESMO!!!!!

              Por isso eu falei, no inicio desta nossa conversa que é uma escolha e das mais dificeis de se fazer.

              E não se trata de tentar mudar aquilo que não gostamos em uma pessoa para que ela caiba dentro do molde de pessoa ideal que você criou, não.
              Esperar que uma pessoa caiba dentro de um molde para só então poder amá-la é, no mínimo, uma grande ilusão, porque você não vai estar amando uma pessoa real. Você estará amando um fake.
              E tirando um ou outro fake do bem assumido (né, Zé?), que também são exceções, não dá para confiar em um fake, que dirá amar.

              Aprenda a enxergar além dos problemas.
              Aprenda a enxergar além dos defeitos e até das qualidades, que também podem ser um peso.
              Aprenda a enxergar além daquilo que está na superficie.
              Aprenda a enxergar dentro de você mesmo. Será que aquilo que te incomoda no outro, está mesmo no outro ou está dentro de você?
              Não será uma ferida mal cicatrizada que um outro alguém te deixou e você nem se lembra mais? E esse novo alguém, na maior inocencia, reabriu?
              Talvez olhar o passado não seja tão doloroso quanto você pensa.
              O que te machucou lá atrás, pode até te fazer rir hoje, mas é preciso coragem para enfrentar o medo de olhar para trás e restaurar teu coração.

               Só aprendendo a olhar para dentro de si mesmo você vai aprender a olhar para o outro.
               Só aprendendo a se amar e reconhecendo que você também tem características pessoais que podem ser qualidades em determinados momentos e defeitos em outros, você aprenderá a amar e aceitar as mesmas qualidades/defeitos no outro.

                E é uma escolha unilateral. Você não pode impor a ninguém que te ame. Você pode e deve liverar o teu amor incondicionalmente. Aguarde e espere os futos. Eles certamente virão.
                E se não vierem, simplesemente siga seu caminho na certeza de que VOCÊ fez a diferença.


                Amar é uma escolha, sim, das mais dolorosas que existem, mas como vale a pena!

                O amor restaura, cura, regenera, rejuvenece e confere um poder incrível.

                Vai por mim! Já fiz esta viagem! Chorei lágrimas muito amargas, que foram se transformando em tristeza, depois em serenidade e agora em força.
                E o gostinho da vitoria é maravilhoso!!!!!!!!!
                E essa vitoria ninguém tira de mim!

                Agora, se você quer a opinião de outros especialistas, rsrsrsrs, assista ao powerpoint!

                                      E seja muito feliz!
                                                       Com amor,

                                                       Gisele Fiaux



Definições de amor


Definições de amor


Aconchego e descanso

Print Friendly and PDF

6 comentários:

  1. Olá Gisele, que belíssimo texto !! E o powerpoint então ?? Maravilhoso ! As crianças sabem definir amor da maneira mais pura e perfeita !
    Amar é uma escolha, realmente, podemos viver todos os nosso dias sem este sentimento no coração, protelando ou então não o alimentando, escondendo, mas se quisermos uma vida plena, intensa e verdadeira, teremos que inevitavelmente fazer esta escolha de amar até mesmo aqueles que não nos agradam muito, porque desta forma desenvolvemos a tolerância, o respeito, a amizade, as relações verdadeiras, etc.
    Escolher o amor para nossas vidas é a mais bela e importante decisão que podemos tomar...
    nem sempre vamos ser correspondidos e às vezes vamos sofrer, mas como finalizou, vale muito a pena !!

    Linda reflexão, muito emocionante !
    Grande beijooooooooooo e boa semana !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabe, minha linda e queridíssima amiga.
      Eu nunca pensei que aprender a amar doesse tanto!!! De verdade!!!
      Sabe aquelas horas em que o outro está sendo totalmente injusto ou agressivo com você, mas você vê que naquele momento você é o único escape ou meio para que aquela pessoa recupere a lucidez? Em fração de segundos você tem que escolher entre a justiça e a doação. É muito difícil!!!!!!
      Mas, vale a pena, sim.
      Realmente o power é lindo, só não é mais lindo do que o coração daquelas crianças, rsrsrsrs.

      Muito obrigada, querida.
      Sua presença e seus comentários são sempre muito importantes para mim.

      Vi as fotos do encontro das dihittianas. Lindas! Um dia, Marine e eu estaremos nestes encontros....

      Um grande beijo e uma semana de muita paz para você.

      Excluir
  2. Olá Gisele,

    Acredito que o amor é um sentimento que pode causar alegria e tristeza, simultaneamente, mas canalizar a alegria é algo que podemos fazer a todo instante, bem como remediar a tristeza. O amor é fundamental, e temos que escolher o lado que desejamos ficar. Eu escolho ser feliz, e tenho certeza que você também.

    Parabéns pela reflexão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Bruno.
      Concordo 100% com você. Eu escolho ser feliz, sempre!
      É verdade, precisamos ter muito jogo de cintura para equilibrar a alegria e a tristeza de amar, porque amar é fundamental.
      Mas nada que um bom planejamento e uma auto-estima sempre em dia não resolvam, né querido amigo?
      Sempre um prazer receber você.
      Muito obrigada pelo carinho,bjs.

      Excluir
  3. ótimo texto. Tem uma frase interessante que diz: "Porque para amar de verdade, você não pode ter certeza que será amado." Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Sergio.
      Realmente é verdade: não podemos e nem precisamos ter a certeza de sermos amados. Difícil, mas vale a pena. Um dia todos entenderão isso.
      Obrigada pela visita e pelo carinho.
      Bjs :

      Excluir